Quem trabalha comigo sabe que eu gosto de estratégias de crescimento, mas também gosto de crescimento sustentável.

O Dropshipping não entra nesta categoria, mas também não significa que é só pontos negativos.

Vamos lá tentar partilhar alguns pontos sobre este modelo de negócio.

O que é Dropshipping

O Dropshipping é um processo comercial que anula a necessidade do stock passar pela nossa estrutura, ou seja, sempre que é gerada uma compra no nosso site o fornecedor envia diretamente para o cliente final.
Grande parte destes fornecedores funcionam na China.

Mas nem tudo neste sistema são benefícios.
Começamos pela minha opinião sobre os aspetos mais negativos.

Desvantagens do Dropshipping

Mas nem tudo são más notícias.

Vantagens do Dropshipping

Onde encontrar produtos?
Deixo aqui algumas soluções que podem utilizar se isto for um modelo que gostavam de trabalhar:

No entanto não gostava de terminar sem abrir outras opções que podem funcionar.

Encontrar produtores locais que estejam dispostos a ser flexíveis com o stock e entregas. Fornecedores motivados que procurem crescer são um excelente parceiro, podem estar dispostos a ceder nas exigências normais que tem de quantidade.
Analisem a lista de produtos que eles já têm desenvolvido e comecem a trabalhar por ai.

Trabalhar com fornecedores na China que adaptem os produtos com marca própria. Este processo permite maior controlo de qualidade, melhorar o produto e diminuição do risco no desenvolvimento do produto.

Normalmente está associado a esta estratégia uma quantidade mínima de stock para poderem fazer estas alterações.

Dropshipping ou não o truque não está no modelo de negócio,
Está no processo de atração, conversão e retenção!

Bons negócios Malta,
Luís Diogo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *